MENU_ // detalhe // Exibição de documentário de Joaquim Bravo e Nikias Skapinakis

Subscrever newsletter
Exibição de documentário de Joaquim Bravo e Nikias Skapinakis

Exibição de documentário de Joaquim Bravo e Nikias Skapinakis
11 de Dezembro às 18:00
Local: LAC - Laboratório de Actividades Criativas
Entrada: Gratuita (Entrada sujeita à apresentação do Certificado Digital)
Parceria: Cineclube de Faro

 

 

JOAQUIM BRAVO, ÉVORA, 1935, ETC. ETC. FELICIDADES de Jorge Silva Melo |  Artistas Unidos


JOAQUIM BRAVO, ÉVORA, 1935, ETC., ETC., FELICIDADE
de Jorge Silva Melo, PT, 1999, 58’, M/16

O facto de ter realizado em 1995 um documentário intitulado PALOLO, VER O PENSAMENTO A CORRER fez nascer a pouco e pouco o desejo de um outro documentário, de carácter mais historiográfico, sobre o grupo de artistas que, desde os finais dos anos 50, começaram a impor caminhos de grande originalidade (e heterodoxia) a partir de Évora. Falo de Joaquim Bravo, Álvaro Lapa e Palolo. JSM

 

 

Morreu Nikias Skapinakis, “mestre da cor e da forma” e um dos nomes maiores  da pintura portuguesa do século XX – Observador

 

NIKIAS SKAPINAKIS: O TEATRO DOS OUTROS
de Jorge Silva Melo, PT, 2007, 60’, M/12

A obra do Pintor NIKIAS SKAPINAKIS a partir da exposição QUARTOS IMAGINÁRIOS que em Junho de 2006 inaugurou no Museu Vieira da Silva. O filme segue de perto o trabalho de um dos mais importantes pintores da segunda metade do século XX, nomeadamente na área do retrato (são dele retratos cruciais como os de Almada, Natália Correia, Joel Serrão, Abelaira e Cochofel e o dos “Críticos” que está na Brasileira) e daquilo a que ele, em certa altura, chamou “os retratos da ausência.” O filme conta com a colaboração do próprio artista e do ensaísta António Rodrigues.