Exposição FILMANDO A LUZ na Galeria LAR

eventoLAC_LogosExposição de fotografia FILMANDO A LUZFotografia de cena de filmes rodados no Algarve


6 a 30 Maio 2017 | Galeria LAR . Lagos

6 Maio | 17h30 | Inauguração
18h00 | Sessão de Cinema

Apresenta um conjunto significativo de fotografias de cena e fotogramas de longas-metragens captadas entre meados do séc. XX até ao presente, numa diversidade de paisagens geográficas e que têm em comum o território, o Algarve.

Fotografias de filmes da autoria de conhecidos realizadores portugueses e estrangeiros, entre os quais: Alexandre Valente, André Badalo, António da Cunha Telles, António de Macedo, Antonio del Real, António-Pedro Vasconcelos,  Benoît Jacquot, Carlos Porfírio, Daniel Alfredson, Daniel Del-Negro, Diogo Morgado, Eric Styles, Ineke Houtman, João César Monteiro, João Marco, João Nicolau, José de Sá Caetano, Kristjan Knigge, Manoel de Oliveira, Miguel Alcantud, Miguel Ángel Buttini, Miguel Gaudêncio, Pedro Caldas, Raul Ruiz, Tito da Costa e Vicente Pérez Herrero.

Após a inauguração da exposição, teremos a oportunidade de ver o filme “A Porta 21” (2015) Argumento e Realização de João Marco. O filme será apresentado pelo próprio realizador.

Sinopse:
Um escritor é roubado.
Um “amigo”…
Dois dedos de conversa morna, sem mais do que uns abanões era o ajuste perfeito.
Mas o destino espreitava-o entre as sombras negras das vielas. A sua vida, erguida a pulso firme sempre certa de si, foi atirada pela sorte contra a calçada fria.
A morte!
A única coisa que muda a vida de um homem.
..

O filme foi rodado no Algarve e algumas cenas também filmadas no Alentejo.

________________________________________________________________________

FILMING THE LIGHT exhibition

May 6th to 30th 2017 | Galeria LAR . Lagos
May 6th | 17h30 | Opening
18h00 | Movie Session

Filming the Light presents a significant set of scene photographs and frames of feature-length films shot between mid-twentieth century to the present in a diversity of geographical landscapes that have in common the territory, the Algarve.

Movie Sinopsys

A robbed writer. His masterpiece… disappeared in the hands of a friend. A play that he had kept under lock and key. That same night, he decides to set the record straight: a small conversation, with nothing more than a few jolts. But it is not meant to be that way. Misfortune is there, lurking in the shadows of the alleys lights. His whole life, built by his firm, steady and sure hand, is thrown against the cold sidewalk on a dark night. Yet a man can survive. Even after everything. A writer can rewrite each sentence again. That’s what he thought…

 

This entry was posted in AGENDA, DESTAQUES, LAR, OBJECTIVOS DO LAC, PARCERIAS and tagged , , , , . Bookmark the permalink.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

18 + twenty =